O jogo da primeira eliminatória da Taça da Alemanha em futebol, opondo o Osnabruck e o RB Leipzig, foi suspenso em definitivo depois de o árbitro ter ficado ferido após ser atingido por um isqueiro arremessado das bancadas.

A partida foi interrompida aos 71 minutos, numa altura em que o Osnabruck, da terceira divisão, vencia o Leipzig, da segunda liga, por 1-0, golo do turco Halil Savran aos 23 segundos de jogo.

A Federação Alemã de Futebol (DBF) indicou, entretanto, que deu já início ao inquérito, que seguirá depois para a instância judicial da organização, a quem caberá decidir a sanção a aplicar.

O objeto que tingiu o árbitro foi arremessado da bancada onde se concentravam os adeptos do Osnabruck, numa altura em que Martin Petersen tentava acalmar dois jogadores.

Noutro jogo da primeira eliminatória, o Hertha Berlim derrotou o Arminia Bielefeld, da segunda divisão, por 2-0.

Vinte e quatro horas antes, o autocarro que iria transportar a equipa do Hertha foi alvejado por um atirador ainda não identificado, causando apenas danos materiais, num caso em investigação pela polícia alemã.

O Borussia Moenchengladbach, terceiro na época passada na liga alemã, venceu sem surpresas o St. Pauli, da segunda divisão, por 4-1.

O Bayern de Munique, que entrou em campo no domingo, iniciou, por seu turno, sem brilho a sua participação na Taça da Alemanha em futebol.

Os bávaros, comandados por Pep Guardiola, visitaram os amadores do Nottingen e, com a sua equipa principal, venceram por 3-1, inaugurando o marcador de penalti.

O Hamburgo voltou a cair na primeira ronda, agora frente ao modesto Carl Zeiss, da quarta divisão, já no prolongamento (3-2), fase à qual a equipa da primeira Liga tinha chegado com um golo tardio (90+4).

Finalista da época passada, o Borussia Dortmund venceu por 2-0 na visita ao Chemnitzer, da terceira Liga, enquanto o Wolfsburgo, detentor do título, apurou-se tranquilamente com triunfo 4-1 sobre o Stuttgarter Kickers.