439kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Adere à Fibra do MEO com a máxima velocidade desde 29.99/mês aqui.

Vídeo: E se pudesse sobrevoar Marte... sem sair da cadeira?

Este artigo tem mais de 5 anos

Uma equipa de investigadores da Universidade Livre de Berlim criou uma animação com as imagens recolhidas pela missão espacial em Marte. Veja o vídeo aqui.

Os cientistas acreditam que a superfície de Marte seja atingida por 200 meteoritos todos os anos, tal como mostra a bacia Atlantis na imagem
i

Os cientistas acreditam que a superfície de Marte seja atingida por 200 meteoritos todos os anos, tal como mostra a bacia Atlantis na imagem

ESA/DLR/FU Berlin

Os cientistas acreditam que a superfície de Marte seja atingida por 200 meteoritos todos os anos, tal como mostra a bacia Atlantis na imagem

ESA/DLR/FU Berlin

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

O satélite da missão espacial Mars Express, coordenada pela Agência Espacial Europeia (ESA), tem recolhido imagens da superfície do planeta vermelho recorrendo a uma câmara de alta resolução – High Resolution Stereo Camera. Com estas imagens, uma equipa de investigadores do grupo de Deteção Remota e Ciências Planetárias da Universidade Livre de Berlim (Alemanha) criou viagens que sobrevoam as paisagens acidentadas de Marte.

O “terreno caótico” tem dezenas, ou mesmo centenas, de montanhas que podem chegar aos dois mil metros de altura e se organizam de uma forma irregular, quase caótica. Este tipo de relevo é encontrado tanto a este como a oeste do maior desfiladeiro (canyon) do sistema solar – Valles Marineris. Esta superfície altamente irregular, e sem paralelo com nenhum lugar na Terra, poderá ter sido formada devido à erosão, numa altura em que o planeta Marte tenha tido água.

Uma das regiões que apresenta este tipo de “terreno caótico” é Hydraotes Chaos, como pode ver no vídeo (em baixo) ou aqui em três dimensões (mas para isso vai precisar de uns óculos apropriados).

Vídeo publicado em 20/10/2014.

Enquanto a bacia de Hydraotes Chaos fica localizada nas terras altas marcianas junto do equador, a planície de Atlantis Chaos fica no hemisfério sul, incluída na região de Terra Sirenum. A ESA refere que os picos e montes de “topos planos”, nesta planície de 170 por 145 quilómetros, podem ter sido formados pela erosão lenta de um antigo planalto contínuo. A região está cheia de crateras, causadas pelo impacto de meteoritos, que podem ter tido água no passado.

Vídeo publicado em 03/08/2015.

Já no início de 2014, a ESA tinha publicado um vídeo da antiga planície aluvial Kasei Valles, o maior sistema de escoamento de água de Marte – estende-se por três mil quilómetros enquanto perde três quilómetros em altitude. A ideia era assinalar o décimo aniversário da missão Mars Express.

Vídeo publicado em 14/01/2014.

O Centro Aeroespacial Alemão (DLR) é responsável pela operação da câmara de alta resolução e pelo tratamento das imagens, enquanto as animações foram criadas pela equipa do grupo de Deteção Remota e Ciências Planetárias da Universidade Livre de Berlim. Gerhard Neukum (1944 – 2014), que liderou este grupo e foi diretor do Instituto de Investigação Planetária do DLR, esteve envolvido missão Mars Express desde a sua conceção.

A página está a demorar muito tempo.

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.