O Partido Popular de Mariano Rajoy caminha para a reeleição como chefe do governo espanhol nas eleições agendadas para final de dezembro, a julgar por uma sondagem promovida pela rádio Cadena Ser. O PSOE também está em alta, segundo a sondagem, ao passo que os partidos outrora em subida acentuada – o Podemos e o Ciudadanos – parecem estar a recuar nas intenções de voto.

El Observatorio da Cadena Ser sugere que o PP teria 28,3% dos votos se as eleições fossem hoje, o que compara com os 22% que uma sondagem semelhante tinha apurado em abril. Já os socialistas do PSOE teriam 25,9% dos votos, mais do que os 21% de abril.

Somados, os dois partidos mais conotados com o centro do espectro político, e que têm dominado o governo em Espanha nos últimos anos, teriam algo como 54% dos votos. Em abril, os dois não somavam mais do que 43% das intenções de voto, altura em que partidos como o Ciudadanos e o Podemos tinham uma expressão eleitoral mais robusta.

Se em abril o partido de esquerda radical Podemos tinha 17,9% dos votos, a nova sondagem aponta para 15,4%. A queda do Ciudadanos, que se coloca mais à direita, é ainda maior: 19,4% em abril para 11,3% em setembro.

sondafem

Fonte: Cadena Ser

As eleições em Espanha para eleger novo governo acontecerão até 20 de dezembro de 2015. O Observador debruçou-se recentemente sobre a perspetiva dos investidores no mercado de dívida sobre as eleições, no trabalho intitulado “Os mercados estão a perder o medo do Podemos“.