Terminaram as férias (para a maioria). Terminou a altura das selfies, das fotografias de grupo, das fotografias de paisagens e das fotografias artísticas. Por isso, chegou a altura de descobrir o que fazer com tantas recordações. O El Pais propõe algumas ferramentas para melhorar, arquivar, partilhar ou para criar um álbum com todos os registos das últimas férias.

Editar e retocar

Polarr (www.polarr.co) é um editor online gratuito que serve para, a partir de uma simples fotografia digital, criar imagens impressionantes.

Pixomatic (https://pixlr.com/o-matic/) é uma aplicação que permite acrescentar às fotografias filtros criativos com o telemóvel para publicar nas redes sociais em que o funcionamento é semelhante ao do conhecido Instagram.

Camera Plus (campl.us) joga com a iluminação e tem também um filtro que simula o HDR, uma técnica que mistura várias fotografias do mesmo cenário mas com diferentes exposições.

Paint (www.getpaint.net) é grátis e utiliza ferramentas semelhantes às do Photoshop mas com menos recursos.

A partir de várias fotos tiradas de diferentes ângulos, o Photosynth (photosynth.net), um programa gratuito da Microsoft, cria surpreendentes panorâmicas e espaços interativos em 3D.

Photo Sphere, do Google, é gratuito e permite tirar fotografias esféricas à semelhança das imagens do Street View. No entanto, só está disponível para os últimos modelos Android.

Armazenar e partilhar

O campeão dos sistemas para armazenar fotos continua a ser o Flickr (www.flickr.com), um banco de imagens onde se podem guardar, ordenar, partilhar e até comprar e vender fotografias e vídeos.

Um pouco à semelhança ao que oferece o Picasa (https://picasa.google.com/), do Google.

Também se podem guardar imagens e criar pastas para partilha em serviços como o Dropbox (www.dropbox.com), Google Drive (www.google.com/drive), Microsoft One Drive (onedrive.live.com), Wuala (www.wuala.com) entre outros que oferecem vários gigas de armazenamento gratuito e que se podem multiplicar pagando uma conta mensal.

Em papel ou em livro

Plataformas como o Bubok (www.bubok.com) ou o Blurb (www.blurb.com) permitem desenhar livros página a página com textos e imagens. Para isso basta descarregar um programa gratuito, escolher um desenho e colocar textos e fotos. Se pedir através da Internet o livro impresso chegará por correio. Os preços variam consoante o tipo de livro, as páginas e o número de cópias.

Cheerz (www.cheerz.com) é uma aplicação gratuita que permite fazer impressões, em formato Polaroid, de fotos do telemóvel, Instagram, Facebook, Google+ ou Dropbox (uma caixa com 30 fotos custa 16,95 euros).

Através de outras plataformas como o Fotor (www.fotor.com) é possível combinar várias imagens para criar colagens que se podem guardar ou imprimir.

Paperlover (www.paperlover.com) converte fotografias do telefone em postais. A aplicação é grátis mas cada postal custa 3,50 euros.