O magnata australiano Rupert Murdoch ampliou o seu império dos media ao adquirir a maioria do capital da sociedade National Geographic através do seu conglomerado audivisual 21st Century Fox. A operação ficou estabelecida por um montante de 725 milhões de dólares (pouco mais de 647 milhões de euros).

Segundo conta o El Mundo, a companhia controlada pela família de Murdoch vai controlar, a partir de agora, 73% das ações, enquanto a sociedade sem fins lucrativos National Geographic Society, fundadora da revista há 127 anos atrás, ficará com os restantes 27%.

O australiano é o acionista maioritário da News Corporation, um dos maiores grupos de media do mundo, e em 2015 foi considerado, pela revista Forbes, a 32ª pessoa mais poderosa do mundo e a 76ª maior fortuna.