O fundo de ‘private equity’ Apax France ganhou a corrida para a compra da Cabovisão e Oni ao grupo francês Altice, dona da PT Portugal, continuando por se saber o valor da operação, divulgou a empresa em comunicado.

“O Grupo Altice anuncia hoje que entrou num acordo de compra e venda com o Apax France para vender a Cabovisão e a Oni em Portugal. A transação está ainda sujeita às aprovações regulatórias da Comissão Europeia e das autoridades portuguesas”, lê-se no comunicado.

A Perella Weinberg Partners assessorou a Altice na transação, diz ainda o comunicado.

O Apax France já foi no passado co-investidor com a Altice na Cabovisão, nomeadamente quando a Altice comprou esta operadora em 2011 por 45 milhões de euros, acordando com a Apax que esta comprasse 40% da empresa. No entanto, mais tarde, em 2013, a Altice voltou a recuperar a posição de 40% da Apax.

A empresa liderada por Patrick Drahi tinha até hoje para vender as duas operadoras ou então transferi-las para uma entidade independente que assumisse o controlo dos dois ativos com vista a continuar o processo de venda, segundo um relatório divulgado pela dona do MEO na semana passada.

A venda da Cabovisão e da Oni foi imposta à Altice pela Comissão Europeia como remédio para a compra da PT Portugal e deveria, segundo aquele relatório, ter ficado concluída no final de agosto, mas após alguns pedidos de extensão apresentados pela dona da PT Portugal, o grupo francês “recebeu uma extensão de duas semanas, até 15 de setembro”.

O relatório da Altice explicava que se os ativos não fossem vendidos até essa data, teriam “de ser transferidos para uma entidade independente” que assumiria o controlo dos dois ativos “de forma a continuar o processo de venda”.

Foram apontados como potenciais candidatos à compra das empresas, a Vodafone, a Nos, a britânica Interoute, a chinesa StarTimes e o fundo de ‘private equity’ Apax Partners.

De acordo com notícias divulgadas anteriormente, a Altice estima que os dois ativos valiam em conjunto cerca de 115 milhões de euros.

A Altice comprou a Cabovisão por 45 milhões de euros em 2011 e a Oni por cerca de 80 milhões de euros em 2012.