Duas pessoas morreram este domingo devido à queda de um ultraleve em Tomar, disse à agência Lusa uma fonte dos bombeiros municipais de Tomar.

A mesma fonte adiantou que o acidente ocorreu cerca das 10h00 no campo de voo de Tomar, onde decorria um festival aéreo.

As vítimas são um homem, com cerca de 40 anos, e um jovem, adiantou à Lusa uma fonte do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves (GPIAA), que está a investigar as causas do acidente.

Uma fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém acrescentou que os bombeiros foram alertados às 10h22 para um acidente que envolvia um ultraleve.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Deslocaram-se para o local três ambulâncias, uma viatura do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e uma viatura de desencarceramento dos bombeiros municipais de Tomar.

Após terem chegado ao local, o INEM confirmou a morte de duas pessoas, que foram transportadas para o Instituto de Medicina Legal de Tomar.

No campo de voo de Valdonas decorria o 13.º Encontro dos Templários, promovido pela Associação Tomarense de Aviação Ultraligeira (ATAUL).