Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Sampaio da Nóvoa avançou à TSF que não desiste da corrida a Belém, depois de o jornal i ter admitido na edição desta quarta-feira que o ex-reitor estaria a ser aconselhado a fazê-lo. De acordo com o mesmo jornal, o ambiente que se vive na candidatura de Sampaio da Nóvoa às eleições presidenciais de 2016 é de “depressão total”, sobretudo depois de o PS ter decidido dar liberdade de voto aos militantes na primeira volta das eleições.

O ex-Presidente da República Jorge Sampaio será um dos apoiantes de Nóvoa que considera que desistir será a “melhor saída” depois do resultado das eleições de domingo e das decisões que saíram da reunião da comissão política do PS, segundo o i.

Sem o apoio do PS, Sampaio da Nóvoa tem apenas o apoio oficial do Livre/Tempo de Avançar, que não chegou a eleger nenhum deputado para a Assembleia da República. De acordo com o que foi avançado pelos jornais desta manhã, Maria de Belém prepara-se para oficializar a sua candidatura no próximo dia 13.

António Costa disse na terça-feira à noite que o facto de o PS não apoiar nenhum candidato presidencial permitia evitar “fraturas no partido”. Entre os apoiantes de Sampaio da Nóvoa estão os ex-presidentes da República Mário Soares e Jorge Sampaio. A apoiar Maria de Belém está a ala segurista do partido.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR