Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Passou cerca de um mês desde que o corpo de Aylan Kurdi, com apenas três anos, foi encontrado numa praia na Turquia e se tornou um ícone da crise de refugiados que a Europa enfrenta. Mas continuam a morrer crianças. Segundo a organização internacional para a migração, só no último mês cerca de 169 pessoas foram levadas pelo mar, sendo que 44 eram crianças, conta a BBC. Vários corpos de refugiados deram à costa nas várias ilhas gregas nas últimas semanas e o número não para de crescer. O último é de um bebé com menos de um ano.

A BBC relata este novo caso, o da descoberta de um corpo de um bebé que terá entre 6 a 12 meses de vida, i encontrado na praia de um hotel na ilha de Kos e cuja morte foi pouco noticiada. Um correspondente da BBC, Ed  Thomas, foi até à ilha para conversar com aqueles que encontraram a criança.

O vídeo é este:

https://www.youtube.com/watch?v=E5VWdUiDk24

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR