O português Miguel Oliveira (KTM) e o espanhol Jorge Navarro (Honda) foram penalizados, este sábado, com perda de três lugares na grelha de partida para o Grande Premio do Japão de Moto3, caindo ambos para a segunda fila.

Respetivamente segundo e terceiro na qualificação no circuito de Motegi, Oliveira e Navarro foram penalizados por “condução irresponsável” e por isso vão largar do quinto e sexto lugares para a corrida de domingo, 15.ª das 18 provas do campeonato do mundo de motociclismo de velocidade.

Oliveira e Navarro foram castigados por condução lenta durante a sessão de qualificação, o que permitiu aos italianos Niccolò Antonelli (Honda) e Enea Bastianini (Honda) ascenderem à segunda e terceira posição, enquanto o britânico Danny Kent, líder do Mundial, subiu para a quarta posição.

O italiano Romano Fenati (KTM) conquistou a ‘pole position’, com 1.56,484 minutos, enquanto Miguel Oliveira tinha assegurado a segunda posição, ao rodar em 1.56,657 minutos. O espanhol Jorge Navarro (Honda), com 1.56,720, tinha feito o terceiro registo.

A quatro provas para o final do Mundial, Miguel Oliveira, com vitórias em Itália, na Holanda e em Aragão, soma 159 pontos, menos 20 do que Bastianini, enquanto Kent comanda com 234.

A corrida do Grande Prémio do Japão realiza-se no domingo e está marcada para as 11h00 locais, 3h00 em Lisboa.