Ao fim de 77 anos, o Super-Homem mudou. Continua a manter-se jovem, continua a lutar contra o mal, mas foi obrigado a mudar de nome e de profissão. E a culpa é do seu grande amor, Lois Lane.

A novidade está no número 45 dos Action Comics volume 2, os livros de banda desenhada que desde 1938 contam a história deste super-herói. Quando o perigo apertava, o jornalista Clark Kent tirava os óculos, punha a roupa de Super-Homem e protegia a sua cidade, Metropolis, bem como aqueles que lhe eram mais queridos, em especial Lois Lane. Todos se perguntavam quem seria este homem (o que um par de óculos pode fazer por uma pessoa). Por razões de segurança, Clark Kent sempre manteve o anonimato.

Até agora. Nos últimos números, Lois Lane descobriu finalmente a verdade, depois de ver, por baixo da tshirt de Clark Kent, o uniforme azul, amarelo e vermelho. Na revista número 43, decidiu desvendar ao mundo o mistério. Agora, vemos que a vida do Super-Homem fica num caos: o jornal Daily Planet despede Clark Kent; o governo americano persegue-o; os inimigos também. A única solução é desaparecer.

Clark Kent muda então de nome e chama-se agora Archie Clayton. De jornalista, passa a camionista e transporta material da lavandaria Swan. Os óculos já não lhe servem de nada, preferindo agora esconder-se sob um boné.

superman

Esta não é a primeira vez que Lois Lane descobre a verdadeira identidade do Super-Homem. Mas nunca tinha sido necessário mudar de nome e de profissão, porque o super-herói conseguia apagar a memória dela. Mas agora o mundo todo sabe, o que torna praticamente impossível o regresso à vida anterior. Para saber como se vai desenvolver a história, é preciso esperar pelos livros.

action comics superman