O Conselho Europeu deverá defender a rápida adoção de um plano de ação conjunto com a Turquia para travar o afluxo de migrantes, segundo o projeto de conclusões da cimeira europeia, que decorre em Bruxelas.

O documento, a que agência Lusa teve acesso, refere que o plano conjunto entre os 28 e a Turquia deverá surgir como “parte de uma agenda de cooperação global com base em compromissos mútuos”.

Portugal está representado na reunião de chefes de Estado e de Governo da União Europeia pelo primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho.