Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A força de vontade é apontada como uma das características-chave para alcançar sucesso na vida. A BBC lembrou-se disso e apontou seis técnicas simples que ajudam a desenvolvê-la. O fim-de-semana de chuva pode ser uma boa altura para pôr em prática os conselhos e perceber quais são os mais adequados para si.

Afaste a culpa

Os sentimentos de culpa baixam a auto-estima e treinar a tolerância é outra das chaves para o sucesso. A mente associa a culpa ao prazer – razão pela qual a expressão “o fruto proibido é o mais apetecido” resiste até hoje. Mas um pouco de tolerância pode ser a peça essencial para descansar o corpo, e a mente. Por isso, se tpisar o risco, não se culpe tanto. As falhas também servem para aprender e lutar mais na próxima vez. Dizem os estudiosos.

Ria muito

Quando estamos felizes é mais fácil suportar a dor e relativizar. Além do mais, o riso restaura mesmo a energia. Um estudo recente concluiu que as pessoas que assistem a muitos vídeos de comédia, por exemplo, controlam melhor as suas emoções. O estudo foi publicado no Journal of Experimental Social Psychology.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Medite

A meditação ajuda a focar a mente nos assuntos que são de facto importantes. Algumas emoções devem ser suprimidas para o controlo pessoal e a meditação ajuda a equilibrar e a relativizar os sentimentos. Uma técnica simples é focar a atenção em partes diferentes do corpo, dando atenção às sensações que provocam. Aqui, pode ler mais sobre o tema.

Reponha os níveis de açúcar

O açúcar no sangue ajuda a tomar decisões mais inteligentes e cuidadas. O auto-controlo utiliza as reservas de energia do cérebro. É por isso que podemos tomar decisões menos acertadas quando estamos com fome. Num estudo, concluiu-se que os os juízes são mais propensos a fazer julgamentos precipitados antes do almoço por causa desta razão. Mas uma simples bebida açucarada pode restaurar as energias num piscar de olhos, diz a PNAS. A opção é que não é muito saudável. Escolha os sumos de fruta natural, também têm açúcar.

Durma sobre o assunto

Pela manhã, somos menos propensos para cair na tentação. Como a força de vontade é uma fonte limitada, dizem os especialistas, rende mais se utilizada ao longo do dia. Apesar de não podermos optar pelo auto-controlo em todas as situações, devemos utilizá-lo quando tomamos decisões importantes  – como comprar uma casa ou terminar um casamento. Nestes casos, mais vale dormir sobre o assunto e decidir no dia seguinte.

Controle a vontade de urinar

É estranho, mas parece que funciona. Aliás, David Cameron, primeiro-ministro inglês, recorre a esta estratégia antes de reuniões importantes. A explicação é simples: enquanto o cérebro executa o auto-controlo numa tarefa, a disciplina desenvolve-se  noutras tarefas que tenha em mãos ao mesmo tempo. O tema já foi mesmo estudado: vários colaboradores beberam água e, antes que pudessem ir à casa de banho, tinham de fazer algum dinheiro. Os participantes que tinham vontade de ir à casa de banho, preferiram recusar o ganho imediato e receber uma quantia maior mais tarde. É um teste clássico de força de vontade, diz a Psychological Science.