O treinador do Sporting revelou esta quarta-feira que vai apostar frente ao Skenderbeu, na quinta-feira, em jogo a contar para a Liga Europa de futebol, numa equipa diferente da que utilizará com o Benfica no dérbi de domingo, para o campeonato.

“Vou formar duas equipas, uma para o Skenderbeu, outra para o Benfica, que nos deem confiança de que sairemos vencedores dos dois jogos”, disse Jorge Jesus no lançamento da partida de quinta-feira com a formação albanesa, no Estádio José Alvalade.

Para esse jogo, o treinador dos leões deixou entender que procederá várias mudanças, poupando entre outros, Rui Patrício e Bryan Ruiz: “Vou lançar uma equipa com valor suficiente para ganhar. Em termos clínicos e de recuperação dos jogadores vieram das seleções, estão praticamente todos em condições, com o senão de Rui Patrício, apesar de estar clinicamente apto. De fora para lançar amanhã [quinta-feira] só o Bryan Ruiz”.

Não obstante tantas mudanças previsíveis no onze para quinta-feira, Jesus só confirma um nome como certo, o do jovem Matheus Pereira: “Não revelo a equipa porque temos treino na quinta-feira e pode haver algum imprevisto que faça com que me chamem mentiroso e, por isso, não vou arriscar”.

Sobre a partida frente ao Skenderbeu, Jorge Jesus espera um adversário “bem organizado, a jogar com o bloco baixo e a dar poucos espaços de penetração”, o que vai requerer “classe para criar soluções que permitam fazer golos”.

Apesar da proximidade do dérbi de domingo, Jesus garantiu que o seu pensamento está no jogo de quinta-feira. “Foi assim que fizemos quando jogámos com o Besiktas e depois demos uma boa resposta com o Vitória Guimarães. Vou formar duas equipas para ganhar os dois jogos”, afirmou.

Ainda a propósito do jogo com o Benfica, Jorge Jesus não resistiu a lançar uma indireta ao rival: “Estou muito feliz com o regresso de Salvio. Desejo-lhe uma recuperação o mais rápido possível. Trata-se de uma grande jogador e de um grande profissional. Digo isto publicamente sem precisar de enviar qualquer SMS”.

O jovem Matheus Pereira confessou-se “honrado” por estar a ser uma aposta de Jorge Jesus, quer “retribuir” com a ajuda dos colegas para “corresponder às expetativas” e espera ser titular frente ao Skenderbeu, “se tudo correr bem”.

Questionado sobre os dois golos que marcou ao Vilafranquense para a Taça de Portugal, confessou ter ficado “muito feliz” a ponto de ter pensado que “era mentira”, mas agora só quer continuar a evoluir e a corresponder à aposta que Jorge Jesus está a fazer.

Matheus Pereira resistiu à tentação de falar sobre o jogo de domingo com o Benfica, alegando que está focado na partida frente ao Skenderbeu, e admitiu que estar na equipa principal é muito diferente da equipa B.

“A intensidade dos treinos e dos jogos é completamente diferente, além de que estou com colegas que são grandes jogadores a nível mundial, o que faz com que a minha aprendizagem seja mais rápida”, reconheceu Matheus Pereira.

Finalmente, questionado sobre se irá optar pela seleção portuguesa ou brasileira, remeteu uma resposta para mais tarde: “Tenho conversado com o meu pai sobre esse assunto e ele aconselhou-me a continuar focado no Sporting e em evoluir como jogador. É o que farei e na altura própria tomarei uma decisão sobre isso”.

O encontro entre o Sporting e o Skenderbeu, da terceira jornada do Grupo H da Liga Europa, está marcado para as 18:00 de quinta-feira, no estádio José Alvalade, em Lisboa, e será arbitrado pelo maltês Clayton Pisani.