Muitos garantem que as últimas palavras de Bob Marley antes de morrer foram: “O dinheiro não compra a vida”. O que sabemos agora é que também não é a morte que o impede de chegar à conta bancária dos famosos.

A Forbes lançou a lista dos famosos que continuaram a lucrar muito dinheiro mesmo depois de terem morrido e o Telegraph mostrou os 13 mais ricos. No último lugar desta seleção está James Dean, que morreu com apenas 24 anos num acidente de viação. O conselho do protagonista de “Rebelde Sem Causa” era: “Sonhe como se fosse viver para sempre, viva como se fosse morrer amanhã”. Morreu cedo, mas 60 anos depois continua vivo na memória dos fãs e a prová-lo estão 7,7 milhões de euros lucrados já este ano.

Quem lidera a lista é Michael Jackson, o rei da música Pop que morreu há seis anos. O autor de “Thriller” já conseguiu amealhar 127 milhões de euros em 2015, mais do que o dobro do nome que surge em segundo lugar: Elvis Presley, a estrela dos anos 70 também ele líder de um reinado: o do rock. Em terceiro lugar, vem mais um rei, o do reagae: Bob Marley.

Há duas mulheres na lista da Forbes: a que mais lucrou em 2015 foi Elizabeth Taylor, que morreu há quatro anos, mas cujos perfumes continuam a vender. A atriz de olhos memoráveis surge em quinto lugar, com 18 milhões de euros já ganhos este ano, e ultrapassa Marilyn Monroe, no sexto lugar, por cerca de 3 milhões de euros.

Conheça a lista na fotogaleria.