Dark Mode Wh poupados com o MEO
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Hoje é um bom dia para mudar os seus hábitos. Saiba mais

Estes são os países mais prósperos do mundo

Todos os anos, o Legatum Institute elabora uma lista dos países mais prósperos do mundo tendo em conta o rendimento e o bem-estar dos cidadãos. Portugal volta a ocupar o 27º lugar.

i

Há sete anos que a Noruega ocupa o primeiro lugar do "ranking"

Cover/Getty Images

Há sete anos que a Noruega ocupa o primeiro lugar do "ranking"

Cover/Getty Images

Pelo sétimo ano consecutivo, a Noruega foi considerada o país mais próspero do mundo pelo Legatum Institute que, todos os anos, analisa os níveis de prosperidade de diferentes países, tendo em conta oito fatores: a economia, o empreendorismo, a atuação do governo, a educação, a saúde, a segurança, a liberdade pessoal e o capital social. O estudo é o único medidor mundial de prosperidade com base no rendimento e bem-estar dos cidadãos. Este ano, Portugal ocupa o 27º lugar

De acordo com o estudo do Legatum Institute, o sucesso da Noruega deve-se ao facto de o país ter uma segurança social extraordinariamente generosa e de ter prosperado para além dos limites da União Europeia. Os restantes países nórdicos — Suécia, Dinamarca e Finlândia –, também ficaram bem classificados. A Dinamarca ocupa o terceiro lugar, a Suécia o quinto e a Finlândia o nono. Apesar disso, foram criticados por terem conseguido resolver o problema de desemprego que atualmente os afeta, refere o Telegraph.

Nos últimos nove anos, o desemprego na Dinamarca, Suécia e Finlândia têm aumentado exponencialmente. Na Suécia, a taxa de desemprego encontra-se nos 7,8% e, na Dinamarca, nos 6,3%. Neste último, o desemprego quase que duplicou desde 2006. Na Finlândia, onde o número de desempregados é maior, a taxa situa-se nos 9,4%. Há nove anos, estava nos 7,7%. 

No top cinco dos países mais prósperos, para além da Noruega e Dinamarca, encontra-se ainda a Suíça, em segundo, a Nova Zelândia, em quarto, e o Canadá, em sexto. O estudo salientou ainda o crescimento da economia asiática nos últimos anos, com destaque para Singapura, que ocupa o primeiro lugar no ranking de economia, e para a Indonésia, que subiu 21 lugares nos últimos 21 anos. 

Nos países do Médio Oriente, o surgimento do Estado Islâmico fez com que os níveis de segurança baixassem significativamente. A Síria e o Afeganistão, por exemplo, ocupam dois dos lugares mais baixos no ranking de segurança. A Síria ocupa também o 139º lugar na área da liberdade pessoal. 

Já Portugal, manteve o lugar do ano passado, permanecendo em 27º lugar. Em 2015, o país destacou-se nas áreas da liberdade (16º lugar), segurança (18º lugar) e saúde (31º lugar). Em relação a 2014, Portugal desceu de posição em quase todas as áreas. Na economia, ocupa atualmente a 62ª posição nos 142 países analisados. No capital social, encontra-se no 47º lugar. 

Recomendamos

Populares

Últimas

A página está a demorar muito tempo.