Atualizado às 16 horas com informação sobre os resultados finais sobre a 12ª edição da Maratona do Porto.

O atleta do Sport Lisboa e Benfica Rui Pedro Silva venceu este domingo a prova de 15 quilómetros que decorre em paralelo com a 12.ª Maratona do Porto (42 quilómetros) e quer agora revalidar o título de campeão no nacional de estrada, em janeiro.

Rui Pedro Silva tinha alcançado a segunda posição na edição do ano passado da Maratona do Porto, mas este ano, devido a uma lesão, decidiu correr a prova mais curta, a de 15 quilómetros, tendo terminado em 44 minutos e 41 segundos.

“Achei melhor ver como estava e jogar pelo seguro, mas estou confiante de que em breve estou no meu máximo. Senti-me bem e até bem melhor do que pensava que me sentiria”, disse à agência Lusa o atleta benfiquista.

Questionado sobre próximos objetivos, Rui Pedro Silva apontou que “estando conquistados os mínimos para os Jogos Olímpicos [Rio 2016], agora é hora de estar concentrado nas metas do clube”. Quanto à preparação para os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, Brasil, Rui Pedro Silva conta iniciá-la em abril e diz estar “muito confiante” numa “boa prestação”.

“Quero voltar a ser campeão no Campeonato Nacional de Estrada. O objetivo é o primeiro lugar.”

Em femininos, a vencedora da prova de 15 quilómetros, apelidada de ‘Family Race’, foi Doroteia Peixoto (53 minutos e 50 segundos) dos Amigos da Montanha, que pela primeira vez conquistou o primeiro lugar nesta competição, melhorando a marca face ao ano passado, em que ficou em segundo tendo necessitado de 56 minutos e 45 segundos para completar o percurso.

A 12.ª Maratona do Porto está a decorrer nas cidades do Porto, Matosinhos e Vila Nova de Gaia, juntando atletas de 49 países dos cinco continentes.

O grande objetivo estabelecido pela organização é “conquistar recordes”, uma vez que é expectável que o número de participantes ultrapasse o atual recorde nacional, que também pertence à prova do Porto, com 4.041 atletas.

Quanto a tempos, o recorde em solo português está em 2 horas 8 minutos e 21 segundos, sendo objetivo da organização conseguir descer para 2 horas e 7 minutos.

A par das provas de 42 e 15 quilómetros, também está a decorrer a ‘Fun Race’, uma caminhada de seis quilómetros destinada a todas as classes etárias e sem fins competitivos.

Classificação da prova de 15 quilómetros, com tempos (minutos.segundos):

  • Masculinos:

1. Rui Pedro Silva (Benfica), 44.41

2. Rui Teixeira (Sporting), 45.14

3. Hélder Santos (Maia AC Criobaby), 46.48

  • Femininos:

1. Doroteia Peixoto (Amigos da Montanha), 53.50

2. Leonor Carneiro (Sporting), 54.42

3. Inês Monteiro (CAS), 56.55

Duas portuguesas no pódio da 12ª edição da Maratona do Porto

O queniano Gilbert Yegon Koech e a etíope Brigid Jepcheschir venceram este domingo a 12.ª edição da Maratona do Porto, numa prova em que as portuguesas Joana Nunes e Rosa Madureira ‘fecharam’ o pódio na corrida feminina.

Na prova feminina, Brigid Jepcheschir Kosgei registou o tempo de 2:47.59 horas, seguindo-se Joana Nunes, do Adercus, que completou o percurso em 2:51:45, e Rosa Madureira, do Penafiel, com 2:55.50.

“Para mim este é um ótimo resultado. Não estava a contar. Pessoalmente foi muito bom. Foi um esforço muito grande”, referiu Joana Nunes, que agora vai preparar-se para a Corrida São Silvestre de Santa Maria da Feira, que se realiza em dezembro.

Em masculinos, primeiro lugar foi para o queniano Gilbert Yegon Koech, que completou os 42 quilómetros em 2:14.04 horas. Jacob Cheshari, também do Quénia, com 2:18.15, e Biru Gemechu Work, da Etiópia, com 2:19.15, ficaram em segundo e terceiro, respetivamente.

Paulo Gomes, que corre pelo Benaventense, completou a maratona em quinto lugar, sendo o português que registou melhor tempo: 2:23.13 horas.

“Não consegui os mínimos [para os Jogos Olímpicos do Rio 2016] mas ainda tenho outras oportunidades na próxima primavera e não vou baixar os braços. Quando se olha para uma prova com tantos africanos com grande valor que também ficaram um pouco baixo, percebe-se que este sol é fantástico, mas não para correr uma maratona”, disse aos jornalistas Paulo Gomes.

No ‘top-10’ masculino nota para a presença de quatro portugueses, enquanto entre as 10 primeiras mulheres ficaram seis portuguesas.

A 12.ª Maratona do Porto decorreu nas cidades do Porto, Matosinhos e Vila Nova de Gaia, juntando atletas de 53 países dos cinco continentes. Além da maratona, o evento contou com duas vertentes, as provas dos 15 quilómetros e dos seis, juntando um total cerca de 15 mil corredores.

Classificações:

Masculinos:
1. Gilbert Yegon Koech (Quénia), 2:14.04 horas.

2. Jacob Cheshari (Quénia), 2:18.15.

3. Biru Gemechu Worku (Etiópia), 2:19.15.

4. Daniel Kiplimo Songok (Quénia), 2:22:33.

5. Paulo Gomes (Benaventense), 2:23:13.

6. Stephen Tum (Quénia), 2:26:14.

7. Esaun Kimeli Cheboi (Quénia), 2:30:36.

8. José Carvalho (Académico de Mogadouro), 2:36:02.

9. Carlos Lopes (Académico de Mogadouro), 2:37:20.

10. Luís Beato Pereira (Leões da Fonteira), 2:38.05.

Femininos:
1. Brigid Jepcheschir Kosgei (Etiópia), 2:47.59 horas.

2. Joana Nunes (Adercus), 2:51.45.

3. Rosa Madureira (Penafiel) 2:55.50.

4. Everline Kosgei (Quénia), 2:58.53.

5. Claire-Helene Camelot (França), 2:59.56.

6. Lídia Pereira (Casa do Povo de Mangualde), 3:08.32.

7. Madalena Silva (ACR Conde), 3:09.08

8. Lucinda Sousa (Gondomar FC), 3:16.25

9. Florence Castagnet (França), 3:16.27