O treinador do Benfica disse esta terça-feira que pretende que a motivação para o jogo da Liga dos Campeões em futebol, com o Astana, se sobreponha ao desaire na Taça de Portugal e já pensa no apuramento para os ‘oitavos’.

“Queremos que a motivação nesta competição se sobreponha aquilo que não foi tão agradável. É um jogo completamente diferente, num contexto diferente e no qual queremos selar essa passagem aos oitavos de final”, disse Rui Vitória na conferência de imprensa de antevisão ao jogo na quarta-feira.

Rui Vitória reconheceu que “não é agradável perder”, depois de o Benfica ter sido derrotado pela terceira vez esta temporada pelo Sporting [com eliminação da Taça de Portugal], mas uma das coisas boas é que as competições se sucedem.

“Uma das coisas boas da nossa equipa é que as competições sucedem-se e tem já um jogo de grande importância, grande motivação, uma jornada muito importante para garantir a passagem aos oitavos de final”, reiterou.

Num jogo em que terá ausências importantes, nomeadamente de Gaitán, castigado, e Luisão, que sofreu no dérbi uma fratura no antebraço, o técnico dos ‘encarnados’ disse ainda não estar preocupado com a composição das equipas.

“Os jogadores têm dado uma resposta cabal. Da minha parte nunca houve uma excessiva preocupação com quem não está, os que amanhã [quarta-feira] vão entrar darão conta do recado”, salientou.

Já o médio Pizzi, reconheceu o quão desgastante foi o jogo de sábado, que chegou ao prolongamento (2-1, após 1-1 nos 90 minutos), mas que o plantel teve tempo suficiente para recuperar e estar em Astana “nas melhores condições físicas”.

“O nosso objetivo era ganhar, era passar, não foi possível, mas somos um grupo unido, uma família, e vamos dar a resposta com uma vitória amanhã”, disse ainda Pizzi, primeiro em relação à derrota com o Sporting e depois ao jogo de quarta-feira.

O jogo com o Astana, da quinta jornada do Grupo C da Liga dos Campeões, tem início marcado para as 21:00 locais (15:00 em Lisboa), com arbitragem do francês Ruddy Buquet.

O Benfica lidera o grupo, com nove pontos, mais dois que o Atlético de Madrid, segundo classificado.

Uma vitória frente ao Astana, último classificado da ‘poule’, com dois pontos, permite aos ‘encarnados’ garantirem o apuramento para os oitavos de final da competição.

Mesmo com uma derrota, o Benfica pode garantir a qualificação, caso o Atlético de Madrid não perca em casa com o Galatasaray, terceiro classificado do grupo C, com quatro pontos.