Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Os Iron Maiden vão regressar novamente a Portugal para apresentarem o seu novo álbum de originais, The Book of Souls, lançado em setembro deste ano. O concerto, marcado para o dia 11 de julho, irá decorrer na MEO Arena, em Lisboa. A abrir o concerto estarão os Raven Age de George Harris, filho do baixista da banda, Steve Harris.

Num comunicado divulgado pela promotora do evento, a Everything Is New, Bruce Dickinson explicou que a banda está ansiosa “por voltar à estrada”. “Os Iron Maiden alimentam-se das digressões e de estar com os fãs. É disso que gostamos mais”, referiu o vocalista. A digressão de 2016 arranca em fevereiro, na Flórida, e irá passar por 19 países, incluindo Portugal. “Vai ser fantástico reencontrarmos os nossos fãs portugueses. Sempre adorámos atuar em Portugal”, acrescentou.

A última vez que a banda de Bruce Dickinson esteve em Portugal foi em maio de 2013. Na altura, os ingleses apresentaram na MEO Arena uma recriação do espetáculo que passou por Portugal em 1988, data em que foi editado o álbum Seventh Son of a Seventh Son.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Os bilhetes estarão à venda a partir de dia 8 de dezembro nos locais habituais. Existirá ainda uma pré-venda especial para o clube de fãs da banda, que será feita através do site oficial dos Iron Maiden, anunciou a Everything Is New. O custo dos bilhetes será o seguinte:

  • Balcão 2 e mobilidade condicionada: 39 euros
  • Plateia de pé: 49 euros
  • Balcão 1: 50 euros

Os Iron Maiden foram fundados em 1975 em Leyton, na zona oriental de Londres, pelo baixista Steve Harris. Ao longo de 40 anos de carreira, lançaram quase 40 álbuns — 16 originais, 11 ao vivo, quatro EPs e sete compilações.

Uma da bandas pioneiras da nova onda de heavy metal britânico, os Iron Maiden depressa ganharam estatuto de estrelas. A fama chegou em 1982, com o lançamento do mais que mítico Number of the Beast, já com Bruce Dickinson na voz. Em 1988, Seventh Son of a Seventh Son, sagrou-os definitivamente como um dos grandes nomes do heavy metal mundial.