272kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Poupe na sua eletricidade com o MEO Energia. Simule aqui.

A lula cor-de-rosa que vive no fundo dos oceanos

Este artigo tem mais de 5 anos

Uma equipa de cientistas norte-americanos conseguiu filmar uma lula luminescente de mar profundo, espécie raramente vista viva. Tem uma forte tonalidade cor-de-rosa, e os cientistas explicam porquê.

i

Retirada do Twitter: "Clive Thompson"

Retirada do Twitter: "Clive Thompson"

Uma equipa de cientistas da Administração Nacional do Oceano e a da Atmosfera norte-americana revelou um vídeo de uma lula luminescente de mar profundo. A espécie, segundo dizem, raramente é vista viva. A filmagem mostra a lula, com uma forte tonalidade cor-de-rosa, a nadar pelas profundezas do Oceano Pacífico, junto ao Hawaii.

Segundo o diário britânico Daily Mail, a lula, filmada no passado dia 19 de setembro, tem um a dois metros de comprimento, e nada a uma velocidade de três a quatro quilómetros por hora. A publicação adianta ainda que a filmagem será utilizada para estudar o comportamento da espécie.

A equipa de cientistas conseguiu filmar a lula através de um veículo submarino, controlado de forma remota. Esta, crêem, foi atraída pelas luzes do veículo, unindo-se ao mesmo, mas evidenciando um comportamento agressivo. A equipa de investigadores ainda não sabe porquê.

Por ora, os cientistas acreditam que a forte luz cor-de-rosa emitida pela lula tem três propósitos: cegar as presas, iluminar as profundezas do mar, de forma a medir as distâncias enquanto nada, e mostrar-se recetiva a eventuais parceiros sexuais. A lula tem ainda um funil na parte inferior do seu corpo, que se assemelha a uns lábios vermelhos, e que “serve de propulsão” ao seu movimento, segundo o académico da Universidade de Louisiana, Scott France.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.