A NASA está a recrutar. Profissão? Astronauta, nome de código: Futuros Exploradores do Espaço. Posições disponíveis: 8 a 14. Salário base: entre 66 mil e 144 mil dólares (entre 60 mil e 131 mil euros) por ano. Objetivo principal a longo prazo: ida a Marte. Requisitos: disponível para testar novas drogas e para viajar com frequência.

Parece-lhe um emprego de sonho? Talvez não seja preciso apressar-se a atualizar o seu Curriculum Vitae (CV). O processo de contratação com vista à formação de um novo grupo de candidatos a astronautas arrancou esta segunda-feira e está aberto até meados de fevereiro do próximo ano. E se estudou Medicina, Enfermagem, Psicologia ou Engenharia Aeronáutica não precisa sequer abrir o documento do seu CV. Só vale a pena candidatar-se e puder responder sim a uma série de perguntas, compiladas pelo site Quartz:

  • É cidadão americano?
  • Mede entre 1 metro e 57 e 1 metro e 90?
  • Tem uma pressão arterial saudável?
  • Vê bem (com ou sem óculos, com resultados de acuidade visual de 20/20)?
  • É licenciado?
  • Em Engenharia, Biologia, noutra ciência física (Física, Química, Astronomia, etc.) ou Engenharia Informática ou Matemática?
  • É doutorado, tem mil horas de tempo de vôo aos comandos de um avião de caça, ou 3 anos de experiência profissional relevante ou similar (se deu aulas nestas matérias, o tempo das aulas conta)?