separador_natal_norte

No Museu da Terra de Miranda do Douro vão estar as gentes da terra. Na exposição “Gente D’eiqui“, o fotógrafo Carlos Franco reúne, até 23 de março, imagens a preto e branco que recuperam a memória da cidade e as tradições mirandesas, dos pauliteiros à gaita-de-foles, sem esquecer o burro mirandês. A exposição pode ser vista terça-feira das 14h00 às 18h00 e de quarta a domingo entre as 09h00 e as 18h00.

A cena musical de Barcelos é tão prolífera que se consegue fazer todo um festival só com a prata da casa. Assim, este sábado entre as 16h00 e as duas da manhã, os Glockenwise, La La La Ressonance, Black Bombaim, Ratere, Duquesa, Dear Telephone, Tresor & Bosxh e Homem em Catarse vão tocar entre o Bar do Xano, Pop Cave e Círculo Católico de Operários de Barcelos. O roteiro completo está aqui e a entrada é gratuita em todos os concertos.

Seja para desanuviar dos dias com a família, seja para queimar as calorias acumuladas ou para estrear na pista as roupas novas, a noite de Natal é uma das mais fortes do ano para quem quer sair para dançar e beber um copo. Na discoteca Gare Porto, por exemplo, a proposta musical tem Moullinex, Xinobi, Tiago, Midnight & TMSQ, Fanfanash e I-Gore”. Ali bem perto, no Pitch, os DJs de serviço são Nuno Carneiro, Ricardo Reis, Bernard e Ninetytwo. E no Armazém do Chá a festa chama-se “Christmas Hangover”. Se prefere sair no sábado, passe pelo Dot Club Porto. A dar música vão estar Chadubritt e Paul Day.

Entre sábado e quarta-feira, e depois nos dias 2,3,8 e 9 de janeiro, é possível visitar a Torre e a Igreja dos Clérigos à noite. Até às 23h00, portuenses e turistas podem admirar as iluminações de Natal da cidade do Porto a mais de 75 metros de altura.

separador_natal_centro

Se o frio lá fora não estiver convidativo e decidir ficar por casa, ligue a televisão na RTP2, sexta-feira às 22h25 e no sábado às 16h10. Depois de nesta quinta-feira ter exibido “A Família Yamada”, o canal público vai passar mais dois filmes japoneses de animação realizados por Isao Takahata (“O Conto da Princesa Kaguya”). No dia de Natal poderá ver “Memórias de Ontem“, que segue a mudança de Taeko, uma jovem de 27 anos que sempre viveu em Tóquio e que um dia decide deixar a rotina e fazer um retiro no campo. No sábado à tarde é a vez de “Pom Poko“, mais um filme dos famosos estúdios Ghibli, este sobre uma comunidade mágica de guaxinins em luta para impedir que a floresta onde habitam seja destruída pelo desenvolvimento urbano.

Quem quer ouvir boa música tem no Salão Brazil, em Coimbra, uma boa sugestão. No sábado, às 21h30, Victor Torpedo leva quase 30 músicos e amigos convidados ao palco para relembrar temas de bandas como Tédio Boys, The Parkinsons, Tiguana Bibles, entre outros projetos dos quais fez ou ainda faz parte. No domingo, o Salão Brazil acolhe a música de Norberto Lobo e de Basso3. No sábado a entrada custa cinco euros e no domingo sete.

Os mais novos vão querer estar no Pavilhão Multidesportos Dr. Mário Mexia, este sábado, às 15h00 ou às 18h00. É que O Panda e Os Caricas vão estar por lá e a palavra de ordem é “acampar”, com muita música à mistura. Para saber mais, o melhor é comprar bilhete — entre os 15 e os 22,50 euros.

O DJ e produtor luso-angolano Mastiksoul será rei e senhor da Estação da Luz, em Aveiro, no sábado. A entrada para a eletrónica do homem que tem corrido o mundo custa 7,50 euros de consumo mínimo para as mulheres e o dobro para os homens.

separador_natal_sul

The Legendary Tigerman está de volta à Galeria Zé dos Bois para cantar “Fuck Christmas, I’ve got the blues”. O concerto da noite de Natal esgotou. Mas quem quiser ouvir o homem orquestra pode fazê-lo também no sábado e no domingo, às 23h00. A entrada no Natal de Paulo Furtado custa 15 euros.

A noite de 25 de dezembro costuma ser uma das mais fortes do ano. Também em Lisboa, no Ministerium Club, há mais uma sessão Jameson Blackroom, com Dan Ghenacia vindo diretamente da cena underground de Paris. A acompanhá-lo na missão de fazer dançar os presentes terá Janina, residente do Club Der Visionäre desde os 18 anos. A entrada custa a partir de 12 euros antes das duas da manhã e 15 euros a partir dessa hora.

A primeira etapa de uma viagem cénica chamada “Três Irmãs” já pode ser vista na Lx Factory, em Lisboa. A partir de Anton Tchekhov, Cátia Terrinca criou (e agora interpreta), ao lado de Francisco Salgado, “Irina“, que se apresenta diariamente até domingo, sempre às 22h00, no antigo espaço zoot. A segunda parte, “Macha”, chega aos palcos em março, e o final, “Olya”, em junho. Bilhetes entre os seis e os oito euros.

the-danish-girl_770x433_acf_cropped

Imagens da transformação de Eddie Redmayne para “A Rapariga Dinamarquesa” estão expostas no CCB

No início do ano, Eddie Redmayne subiu ao palco do Dolby Theatre para receber o Óscar de Melhor Ator, pelo papel de Stephen Hawking em “A Teoria de Tudo”. Agora que o seu novo filme, “A Rapariga Dinamarquesa”, chegou aos cinemas, fala-se que na próxima edição dos Óscares poderá repetir a proeza, pela transformação para Lili Elb, tida como a primeira mulher transgénero. Quem quiser ver as fotografias que retratam a transformação física do ator britânico encontra-as no Centro Cultural de Belém, na exposição “Retratos de uma transformação“. O acesso é livre.

O centro de Cascais enche-se de cor na altura do Natal. Até dia 6 de janeiro, passe por lá para andar na roda gigante, para provar e comprar produtos tradicionais e para andar na pista de gelo instalada na Baía. Para os mais novos há, aos sábados, o desfile do Pai Natal, acompanhado da Branca de Neve, dos Soldadinhos de Chumbo ou de Fadas Luminosas.

Os projetos de tributo são o ódio especial de muitos melómanos. E, por norma, ficam de fora das sugestões de fim de semana. Mas os Led On não são uma banda tributo qualquer. Na guitarra, peça central na música dos Led Zeppelin, está Mário Delgado, que colaborou com Jorge Palma, Lena D’Água, Ala dos Namorados e Resistência. Dos Resistência, e também da equipa de Rui Veloso, temos um dos melhores bateristas portugueses, Alexandre Frazão. No baixo encontramos Zé Nabo, músico de Rui Veloso e que integrou o Quarteto 1111, Salada de Frutas e Ala dos Namorados. Nas teclas está Manuel Paulo, membro fundador da Ala dos Namorados e músico de Jorge Palma e Rui Veloso. No difícil lugar de Robert Plant está Paulo Ramos. Comprove o que valem este sábado, às 22h30, no Cine Incrível, em Almada. Os bilhetes custam 10 euros.

A partir das 15h30 de sábado, o Museu de Évora é das famílias. Margarida Mestre vai orientar a atividade uma oficina especial de Natal que convida as crianças a partir dos seis anos a olhar com outros olhos, e de forma divertida, as obras de arte expostas no Museu, que retratam cenas das histórias consideradas sagradas e que – através da vivência do corpo, da voz e do pensamento – se redescobrem na nossa realidade. A participação é gratuita.