249kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Poupe na sua eletricidade com o MEO Energia. Simule aqui.

Na Basílica de S. Pedro, nu, a gritar "sou brasileiro"

Este artigo tem mais de 5 anos

É um enfermeiro de 44 anos, italiano mas com origens brasileiras. Foi apanhado nu, na Basílica de S. Pedro (Vaticano), a gritar em italiano: "Queridos irmãos e irmãs, sou brasileiro".

i

As autoridades do Vaticano afirmam que o homem é "demente"

Retirada do Twitter: "Rus Khomutoff"

As autoridades do Vaticano afirmam que o homem é "demente"

Retirada do Twitter: "Rus Khomutoff"

Luís Carlos Giampaoli é um enfermeiro italiano, com origens brasileiras, de 44 anos. Ficou famoso por uma situação insólita: foi apanhado a passear nu pela Basílica de São Pedro, no Vaticano, apresentando-se (literalmente) de braços abertos aos que ali se encontravam: “queridos irmãos e irmãs, sou brasileiro”, dizia em italiano.

Giampaoli, que segundo o Daily Mail se chama a si mesmo Cherubino (termo bíblico italiano para querubim), foi detido pelas forças de segurança do Vaticano, e encontra-se na ala psiquiátrica do hospital Santo Spirito, de Roma.

Segundo o Daily Mail, Luís Giampaoli terá entrado na Basílica vestido, e só lá dentro decidiu despir-se: ter-se-á escondido num canto e despedido, aparecendo depois quase como veio ao mundo, apenas de meias e mochila às costas, para surpresa dos turistas que visitavam a Basílica. Ora veja o vídeo, devidamente censurado:

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.