A Agência Meteorológica do Japão indicou que o abalo ocorreu às 12:25 (03:25 em Lisboa) com o epicentro na costa do distrito de Urakawa, a sul da ilha de Hokkaido, a uma profundidade de cerca de 50 quilómetros.

O Japão assenta sobre o chamado anel de fogo do Pacífico, uma das zonas sísmicas mais ativas do mundo, e sofre terramotos com relativa frequência pelo que as infraestruturas são especialmente desenhadas para aguentar os abalos.

Na terça-feira, um sismo de 6,1 tinha já sido registado ao largo de Hokkaido