Elisa Ferreira, eurodeputada socialista, quer ouvir a Comissão Europeia sobre a diferença de tratamento de países intervencionados, depois de o Tribunal de Contas Europeu ter condenado o papel desta instituição nos programas de ajustamento. A eurodeputada quer que a Comissão assuma um compromisso de mudança nos procedimentos criticados pelo tribunal e como é que a Comissão está a corrigir os erros cometidos no programa ainda em vigor na Grécia.

Esta quarta-feira, a eurodeputada enviou perguntas para a Comissão Europeia, questionando sobre se a instituição liderada por Jean-Claude Juncker “estaria disponível para apresentar ao Parlamento Europeu, no quadro das suas responsabilidades institucionais, as mudanças que pretende efectuar e assumir compromissos firmes de alteração dos procedimentos criticados pelo Tribunal”. Elisa Ferreira considera que as respostas da Comissão a esta polémica têm sido “vagas e genéricas”.

As perguntas enviadas por Elisa Ferreira:

1. Que medidas concretas está a Comissão a implementar para corrigir as deficiências apontadas?

2. Nos programa de assistência ainda em curso, sobretudo na Grécia, que alterações está a Comissão a fazer nos mesmos para corrigir os graves erros apontados? Como?

3. Está a Comissão disponível para apresentar ao PE, no quadro das suas responsabilidades institucionais, as mudanças que pretende efectuar e assumir compromissos firmes de alteração dos procedimentos criticados pelo Tribunal e pelo PE?

4. Pode a Comissão garantir que o exercício das suas responsabilidades no quadro das regras de governação económica não é nem será afectado por erros e procedimentos semelhantes àqueles que são criticados?

A socialista questiona ainda se o programa de assistência em curso, especialmente o da Grécia, vai ser alterado e o que está a ser feito “para corrigir os graves erros apontados”. Ferreira pede ainda que a Comissão garanta que o exercício das suas responsabilidades no quadro das regras de governação económica “não é nem será afectado pelos erros” apontados pelo Tribunal Europeu de Contas.

Elisa Ferreira é uma das mais destacadas vozes do Parlamento Europeu no que diz respeito à governação económica e uma das eurodeputadas que acompanha de perto o desenvolvimento da União Bancária. No Parlamento Europeu integra a comissão dos Assuntos Económicos e Monetários.