O Borussia de Dortmund foi a Estugarda vencer a equipa local por 3 a 1 em jogo a contar para os quartos-de-final da Taça da Alemanha. No entanto, para a memória, ficou o protesto dos adeptos da equipa visitante contra o elevado preço dos bilhetes.

Depois de só terem entrado no estádio aos 20 minutos de jogo, o protesto continuou de forma invulgar. Os adeptos atiraram centenas de bolas de ténis para o relvado provocando até a interrupção da partida.

As imagens da transmissão televisiva demonstram bem a dimensão da chuva de bolas:

A insatisfação foi provocada pelo aumento dos preços dos bilhetes no campeonato alemão e em particular das entradas para o jogo com o Estugarda, que ascendiam aos 70 euros.

A BBC ouviu um dos organizadores da campanha e adepto do Dortmund, Marc Quambusch, que explica a utilização das bolas de ténis. O objetivo era a ironia isto porque, em alemão, a expressão “grande ténis” é usada para descrever algo muito bom. Assim, ao lançarem as bolas, os adeptos queriam afirmar em Estugarda que os preços eram muito altos.

Já na semana passada, em Inglaterra, e durante o jogo entre Liverpool e Sunderland, em Anfield Road, os adeptos da equipa da casa organizaram também um protesto contra os preços dos bilhetes. Mas, se em Estugarda entraram depois do início da partida, em Liverpool as pessoas afetas à equipa da casa deixaram o recinto ao minuto 70: