Iluminam as costas, apoiam os pescadores que chegam do alto-mar e foram em tempos essenciais para a circulação das mercadorias pelas rotas marítimas. Os faróis são um dos tipos de construção mais importantes do ser humano em busca de segurança: há referências a estas torres na Ilíada e na Odisseia de Homero; e acredita-se que o primeiro estava em Alexandria, com uma luz segura para os marinheiros no alto dos seus 110 metros.

Os romanos foram dos povos mais empenhados em erguer faróis à medida que conquistavam território, trinta dos quais voltados para o Mar Negro. E também a história dos fenícios passa inevitavelmente por aquela luz persistente à beira-mar, porque era a partir dela que este povo planeava as suas rotas pelo Mediterrâneo e na Grã-Bretanha.

As construções foram sendo aperfeiçoadas ao ponto de se tornarem autênticas referências na arquitetura e história local. Hoje já se erguem exemplares modernistas, em que o fogo deu lugar às lâmpadas e o cimento ganhou novas formas: é o caso do Farol de Jeddah, na Arábia Saudita.

Passeie connosco pelas costas do mundo inteiro para descobrir 30 dos faróis mais fascinantes do mundo. Estão na fotogaleria.