Leonardo DiCaprio meteu a mão, finalmente, a um Óscar e muito tem a agradecer a um urso — aquele ataque brutal do animal selvagem foi um dos momentos mais emocionantes do filme “The Revenant”. Agora, qual obra do acaso ou simpatia do universo, navega pelas redes sociais a história enternecedora da amizade de um urso com um tigre e um leão. Parece um filme da Disney, mas é realidade.

Baloo, Leo e Shere Khan são amigos inseparáveis há quase 15 anos, altura em que foram resgatados de uma cave em Atlanta, nos Estados Unidos, depois de uma rusga policial. Muitas feridas, infecções e falta de cuidados, foi assim que foram encontrados os três compinchas. Baloo era o que estava em pior estado.

“Baloo, Leo e Shere Khan comem, dormem e brincam juntos e até procuram carinho uns com os outros, roçando a cabeça e lambendo os outros. Os terríveis primeiros meses de vida ligaram os três e são verdadeiramente inseparáveis, independentemente das diferenças óbvias”, pode ler-se num texto sobre a tripla no site da ONG que os abriga. O Noah’s Ark Animal Sanctuary, fundado em 1991, acolhe animais exóticos e de quinta. “Com mais de 1500 animais, podem imaginar que os custos com o nosso veterinário e comida sejam altos. Custa aproximadamente 33 mil dólares (30 mil euros) por mês para alimentar e tratar os animais.”

Para quem quiser seguir o trabalho do Noah’s Ark Animal Sanctuary ou fazer donativos, aqui ficam as contas no Facebook, Instagram e Twitter. O nome do parque não podia fazer mais sentido…