Foi um espetáculo de cores, decorreu no domingo passado, e iluminou os céus britânicos em tons de verde, roxo e azul. A aurora boreal foi vista até ao sul de Oxfordshire, condado no sudeste de Inglaterra.

Este fenómeno é causado pelo contacto das partículas de vento solar com a alta atmosfera da Terra, canalizadas pelo campo magnético terrestre. No Reino Unido, estas luzes só costumam ser visíveis no norte da Escócia.

Segundo Amanda Townsend, meteorologista do Met Office, este fenómeno deu-se em território inglês por causa de uma série de “fatores e combinações fora do normal”. Townsend afirmou ainda que aqueles que perderam este espetáculo não vão ver tão cedo nada parecido em zonas do sul de Inglaterra.