Kim Kardashian-West instalou outra vez a polémica na internet ao ter partilhado uma fotografia nua (a segunda esta semana). As reações nas redes sociais têm sido díspares, sendo que já várias celebridades saíram em sua defesa, enquanto outras a censuram.

Emily Ratjowsky e Sharon Osbourne juntaram-se às vozes (e aos corpos) que defendem a socialite norte-americana, tendo também partilhado fotografias nuas nas suas contas de Instagram.

Ratjowsky aproveitou a ocasião para denunciar os comentários “sexistas” de que Kardashian foi alvo, lembrando que cada um tem direito a fazer o que quer com o seu corpo.

https://twitter.com/emrata/status/707225947733417984?ref_src=twsrc%5Etfw

View this post on Instagram

What to wear tonight? #PFW

A post shared by Emily Ratajkowski (@emrata) on

Já Sharon Osbourne admitiu sentir-se “inspirada” e “libertada” pela fotografia de Kim Kardashian.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Amber Rose, que teve uma batalha no Twitter com Kanye West, marido de Kim, veio agora em defesa de Kardashian. Em resposta a um comentário pejorativo que a cantora Pink partilhou no Instagram, Amber Rose respondeu “viemos todos nus ao mundo. A sociedade sexualiza os nossos seios e corpos. Se uma mãe de duas crianças se sente confortável com o seu corpo e quer mostrá-lo, ninguém tem nada a ver com isso”.

Kardashian-West escreveu um texto em que aborda a discriminação de que as mulheres são vítimas para celebrar o Dia Internacional da Mulher. No texto lê-se “Basta. Não vou viver a minha vida em função dos problemas que têm com a minha sexualidade.” Afirma ainda: “Sou mãe. Sou mulher, irmã, filha e empreendedora e tenho o direito de ser sexy.”