Lula da Silva foi levado para interrogatório no início do mês, no âmbito da “Operação Lava Jato”. O Brasil e o mundo ficaram em alvoroço, julgando que a Polícia Federal iria deter o ex-presidente brasileiro, mas ao fim de três horas de perguntas o cofundador do Partido Trabalhista acabou livre. Entretanto, Dilma Rousseff chamou-o para a Casa Civil, no cargo de ministro, apontando o dedo aos métodos de investigação da polícia e impedindo que Lula pudesse ser detido. Mas numa reviravolta novelesca, um juiz federal suspendeu o ato de nomeação. E agora Lula da Silva não é ministro, pelo menos enquanto a justiça não retirar a hipótese de o convite de Dilma se ter tratado de um crime de responsabilidade.

Milhões de pessoas foram para a rua protestar contra os últimos acontecimentos, exigindo a demissão da atual presidente do Brasil e criticando a impunidade política. Enquanto essas confrontavam a polícia de intervenção com gritos, bandeiras e altifalantes, outras usaram outros meios: o computador e a Internet. As redes não tardaram a ser invadidas por imagens satíricas que transformam a crise política brasileiro em matéria de humor. O Twitter, principalmente, tem sido o maior palco destas manifestações, que são publicadas com a etiqueta #QuedaDoPlanalto.

A criatividade é, neste caso, quem mais ordena. Alguns dos internautas conseguem comparar a situação no executivo brasileiro às entradas e saídas, castigos e nomeações, salvações e desafios do reality show Big Brother Brasil, que é um sucesso de televisão. Outros mostram ilustrações, canções ou simplesmente ideias que somam “gostos” e partilhas a cada minuto.

Na fotogaleria vai encontrar 20 exemplos das sátiras feitas na Internet às últimas notícias que nos chegam do outro lado do Atlântico.