Literatura

Shakespeare. Encontrado “First Folio” numa mansão escocesa

153

Um "First Folio", uma primeira edição das peças de teatro de William Shakespeare, foi encontrado na biblioteca de uma mansão escocesa. Este ano assinalam-se os 400 anos da morte do dramaturgo.

O "First Folio" escocês é um dos 234 encontrados até hoje

AFP/Getty Images

Uma cópia do First Folio, a primeira edição das peças de teatro de William Shakespeare, foi encontrada no interior de Mount Stuart, uma mansão na ilha escocesa de Bute, refere o jornal The Guardian. O livro esteve guardado na biblioteca da casa durante mais de 100 anos e a sua autenticidade foi confirmada por Emma Smith, professora de estudos shakespearianos na Universidade de Oxford.

A cópia de Mount Stuart pertencia originalmente ao editor londrino Isaac Reed que, de acordo com uma carta, o terá adquirido em 1786. Depois da morte de Reed, em 1807, o First Folio foi vendido a um tal “JW” por 38 libras. Depois disso, terá sido comprado por Mount Stuart algures durante o século XIX, uma vez que aparece nos registos da biblioteca em 1896.

A descoberta do First Folio de Mount Stuart eleva o número de primeiras edições das peças de Shakespeare para 234, numa altura em que se comemoram os 400 anos da morte do autor, que terá morrido na sua terra natal, para onde terá regressado Stratford-upon-Avon a 23 de abril de 1616.

Esta não é a primeira vez que um First Folio é encontrado de forma inesperada. Em novembro de 2014, Rémy Cordonnier, especialista em literatura medieval, anunciou ter encontrado uma cópia da primeira edição das obras de Shakespeare na biblioteca de Saint-Omer, no norte de França, que estava catalogado como sendo uma versão tardia do século XVIII.

O livro Mr. William Shakespeares Comedies, Histories and Tragedies, mais conhecido por First Folio, foi publicado e editado em 1623 por John Heminges e Henry Condell, colegas e amigos próximos de Shakespeare, sete anos depois da morte do dramaturgo. Esta primeira edição das obras de Shakespeare contém a maioria das peças de teatro que lhe são atribuídas e é considerada a única publicação credível. Se não fosse pelo First Folio, provavelmente as peças de Shakespeare nunca teriam sobrevivido até aos dias de hoje.

Agora que entramos em 2019...

...é bom ter presente o importante que este ano pode ser. E quando vivemos tempos novos e confusos sentimos mais a importância de uma informação que marca a diferença – uma diferença que o Observador tem vindo a fazer há quase cinco anos. Maio de 2014 foi ainda ontem, mas já parece imenso tempo, como todos os dias nos fazem sentir todos os que já são parte da nossa imensa comunidade de leitores. Não fazemos jornalismo para sermos apenas mais um órgão de informação. Não valeria a pena. Fazemos para informar com sentido crítico, relatar mas também explicar, ser útil mas também ser incómodo, ser os primeiros a noticiar mas sobretudo ser os mais exigentes a escrutinar todos os poderes, sem excepção e sem medo. Este jornalismo só é sustentável se contarmos com o apoio dos nossos leitores, pois tem um preço, que é também o preço da liberdade – a sua liberdade de se informar de forma plural e de poder pensar pela sua cabeça.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: rcipriano@observador.pt
Conflitos

Mediterrâneo

Luis Teixeira

Huntington defendeu, como Braudel, que a realidade de longa duração das civilizações se sobrepõe a outras realidades, incluindo os Estados-nação em que se supôs que a nova ordem mundial iria assentar.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)