O português Diogo Ventura (Gas Gas) terminou este domingo no terceiro lugar a segunda etapa do Grande Prémio de Agadir de juniores, primeira prova do Mundial de enduro, enquanto Luís Correia (Beta) foi oitavo em E3.

Depois de ter terminado a primeira jornada em nono, Diogo Ventura concluiu a tirada deste domingo no terceiro posto, a 30.82 segundos do italiano Giacomo Redondi (Honda), que voltou a vencer, com o tempo de 55.55,37 minutos.

O piloto natural de Góis ocupa o nono lugar do Mundial, com sete pontos, menos 13 do que Redondi, enquanto Luís Correia segue no sétimo posto da classificação de E3, a categoria das motas as mais potentes do mundial, a dois tempos entre os 290 e 500 cc e a quatro tempos entre 475 e 650 cc, com nove pontos, menos 11 do que o francês Johnnu Augert (Beta), que lidera.

Na etapa de hoje, Luís Correia, que tinha sido sétimo no sábado, não foi além do oitavo lugar, gastando mais 1.33,43 minutos do que o britânico Steve Holcombe, o vencedor do dia, em 54.45,84 minutos.

Na ‘Youth Cup’, André Martins (KTM) e Tomás Clemente (KTM) terminaram a segunda etapa no quinto e sexto lugar, respetivamente, a 6.51,07 e 14.32,47 minutos do francês Jean-Baptiste Nicolot (Yamaha), que foi o mais rápido nesta categoria para menores de 20 anos, em 50.09,34 minutos.