De acordo com o calendário fiscal publicado no Portal das Finanças, termina sábado o prazo para que os sujeitos passivos com rendimentos da categoria A (trabalho dependente) e H (pensões), entreguem, “por transmissão eletrónica de dados ou em suporte de papel” a sua declaração de IRS (Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares).

Caso o contribuinte tenha auferido rendimentos destas categorias provenientes do estrangeiro deve juntar à declaração o anexo J e se tiver benefícios fiscais, deduções à coleta, acréscimos ou rendimentos isentos sujeitos a englobamento deve juntar o anexo H, escrevem as Finanças.

Até quinta-feira, segundo dados publicados no Portal das Finanças, foram submetidos mais de 2,9 milhões de declarações de IRS de trabalhadores dependentes e pensionistas.

Segundo o Ministério das Finanças, os contribuintes que entregaram as declarações de IRS nos primeiros dias do mês de abril devem receber os respetivos reembolsos durante esta semana.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“O primeiro conjunto de reembolsos de IRS foi já autorizado no final da semana passada”, disse à Lusa fonte da tutela, acrescentando que “os contribuintes visados deverão receber os devidos reembolsos durante esta semana”.

O prazo para a entrega do IRS teve início depois de um período de 15 dias, durante o qual os contribuintes puderam reclamar dos valores das despesas de IRS inscritos na página disponibilizada no Portal das Finanças.

Em maio, decorre a segunda fase de entrega do IRS (trabalhadores independentes e outras categorias).