Ainda nem abriu mas já toda a gente quer experimentar. Falamos do Bunyadi, um restaurante em Londres que abre em junho e estará a funcionar durante três meses. A particularidade do estabelecimento é que permite que os clientes façam as refeições nus.

A notícia de abertura surgiu no fim de abril e os pedidos de reservas dispararam. Já há 34,364 pessoas à espera. A 20 de abril havia 4000 pessoas, uma semana depois eram já 28 mil, agora são mais de 34 mil e o número continua a subir no site do restaurante.

Haverá uma zona do restaurante para clientes vestidos e outra para clientes despidos e até o staff poderá andar com parte do corpo descoberto. A ideia da liberdade do corpo cola-se diretamente à filosofia saudável e biológica do estabelecimento. Haverá menus vegetarianos, sendo que todos os pratos serão feitos com ingredientes naturais. Mais: o mobiliário será de madeira em prol do cuidado com o ambiente, haverá travessas e tachos de barro e os alimentos serão cozinhados em fornos de lenha.

De acordo com um comunicado de imprensa citado pelo Business Insider, as refeições também serão servidas em barro e os talheres serão comestíveis. “A ideia é experienciar a verdadeira libertação”, explica Seb Lyall, fundador da companhia que criou o conceito. “As pessoas deviam ter a oportunidade de aproveitar e experimentar uma noite sem impurezas: sem químicos, sem corantes artificiais, sem eletricidade, sem gás, sem telemóvel e até sem roupa”, acrescentou. O conceito inspira-se na liberdade, mas há uma proibição já avançada pelos responsáveis do restaurante: não é permitido tirar fotografias.