Marte vai estar a 75,97 milhões de quilómetros da Terra esta segunda-feira, a distância mais curta dos últimos 11 anos. Quem quiser assistir a este momento raro, deve preparar o telescópio e esperar pela uma hora da madrugada desta terça-feira — será esse o momento em que terá melhor visibilidade para o planeta vermelho, conta o The Telegraph.

Se o céu estiver limpo, é possível avistar Marte sem precisar de recorrer a um telescópio ou binóculos. Caso contrário, Robin Scagell, vice-presidente da Sociedade Popular de Astronomia, aconselha a optar por um telescópio com uma ampliação entre 75 e 100 vezes. Na costa sul, Marte vai estar tão próximo que vai ser possível avistar a sua calota polar.

O planeta vai permanecer brilhante nas duas primeiras semanas de junho e depois começa a distanciar-se. A última vez que Marte esteve tão próximo da Terra foi em outubro de 2005, sendo que foi em 2003 que o planeta se situou no ponto mais próximo de sempre – a 56,33 milhões de quilómetros. Quando está no ponto mais distante, Marte fica a 402 milhões de quilómetros da Terra.