Primeiro foi o Japão, depois a França e a seguir o México. Agora, venha a Itália. O início deste texto podia ser uma referência ao percurso da seleção portuguesa numa qualquer competição internacional mas não, trata-se do histórico dos duelos gastronómicos do Bastardo, o restaurante do Internacional Design Hotel.

O conceito é interessante: convida-se o chef de um restaurante especializado na cozinha de determinado país para pôr os seus dotes à prova num duelo com o português Luis Rodrigues, o anfitrião da casa e alguém que conhece e domina bem o receituário nacional — basta dizer que cresceu entre tachos no restaurante dos pais, o clássico Tasquinha do Lagarto — na sua vertente mais tradicional ou com os toques de contemporaneidade que o hotel oblige.

LUISRODRIGUES

Luís Rodrigues é quem defende as cores nacionais nos duelos gastronómicos do Bastardo. O barrete é só acessório. (foto: © Jorge Simão)

Em cada duelo são servidos oito pratos distribuídos por quatro rounds: entrada, peixe, carne e sobremesa, cada um. Ou seja, cada chef põe frente a frente quatro pratos. No final, não se elege propriamente um vencedor — todos ganham, principalmente quem participa, à mesa, nesta experiência e pode provar algumas criações inéditas dos chefs participantes. Assim, depois de participado no desafio Paulo Almeida (Midori), Sebastian Fritye (Ipsylon) e Karla Rendon (Pistola y Corazón) chegou a vez da italiana Chiara Ferro, do Osteria, dar bom uso ao seu rolo da massa.

Por bom uso não se entenda provocar um KO técnico ao adversário, mas sim conseguir convencer o público que não a conhece (e se não conhece bem devia) da valia da cozinha que exerce diariamente na pequena tasca italiana da Madragoa. O menu já está definido por ambas as partes. A saber:

1ºRound
Sopa fria de cereja e queijo da Ilha (Portugal)
VS
Baccalà mantecato con polenta (Itália)

2ºRound
Escabeche de lampreia, noz moscada, broa e agrião (Portugal)
VS
Risotto di mirtilli
(Itália)

3ºRound
Leitão, aipo, pimentão e maçã verde (Portugal)
VS
Polpette di tonno (Itália)

4ºRound
Chocolate, laranja, gelado de uísque (Portugal)
VS
Bonet (Itália)

No final do jantar será servido licor Orangea, que o Observador deu a conhecer neste artigo. Tendo em conta o evento em questão, dificilmente se arranjaria bebida mais apropriada: trata-se de uma espécie de limoncello feito com laranjas do Algarve. Um larancello, no fundo. Não se brindará ao vencedor e o vencido não beberá para esquecer. Mas isso é só porque não há vencedores nem vencidos. Todos comem, todos bebem.

O quê? Duelo gastronómico Portugal (Luís Rodrigues) VS Itália (Chiara Ferro)
Onde? Restaurante Bastardo, no Internacional Design Hotel: Rua da Betesga, 3 (Rossio), Lisboa
Quando? Dias 1 e 2 de junho, às 19h30
Quanto? 35€ por pessoa
Reservas? 21 324 0993 / info@restaurantebastardo.com