O experiente central, que alinha no Mónaco, de França, celebrou aniversário a 18 de maio e vai chegar ao arranque do Euro2016, a 10 de junho, com 38 anos e 23 dias, ele que foi ‘recuperado’ por Fernando Santos, depois de ter sido afastado pelo anterior selecionador Paulo Bento.

Ricardo Carvalho, que enquanto profissional representou Leça, Vitória de Setúbal, Alverca, FC Porto, Chelsea, Real Madrid e agora os monegascos, ultrapassa, assim, dois nomes míticos do futebol nacional, como são os casos de Vítor Damas e Manuel Bento, ambos já falecidos.

Damas, que se destacou ao serviço do Sporting, tinha 36 anos e 247 dias por altura do Euro1984, também em França, embora não tenha sido utilizado em qualquer dos quatro encontros que Portugal disputou.

Nesse mesmo torneio, a baliza da equipa das ‘quinas’ foi defendida pelo também experiente Manuel Bento, do Benfica, que contava 35 anos e 352 dias.

Os guarda-redes Pedro Espinha, Nuno Espírito Santo e Alfredo, os defesas Fernando Couto e Bruno Alves, este último também integrado no lote dos 23 eleitos para o Euro2016, o médio Oceano e o avançado Nené completam o ‘top-10’ dos mais velhos portugueses a participar em Europeus.

Por outro lado, Ricardo Carvalho será também o jogador mais velho de campo a participar no Euro2016, sendo apenas superado por cinco guarda-redes: Gábor Király (Hungria), Shay Given (República da Irlanda), ambos com 40 anos, Gianluigi Buffon (Itália), Roy Carroll (Irlanda do Norte) e Orges Shehi (Albânia), estes com a mesma idade do central, mas alguns meses mais velhos.

Caso participem em algum jogo na prova, os guardiões Király e Given poderão mesmo quebrar o recorde do alemão Lothar Matthäus, que continua a ser o futebolista mais velho de sempre a ser utilizado num Europeu.

O antigo internacional germânico tinha 39 anos e 91 dias quando alcançou o feito, curiosamente numa partida diante de Portugal, que bateu a equipa alemã, por 3-0, na fase de grupos do Euro2000.

Esse seria, de resto, o último jogo de Lothar Matthäus pela seleção da Alemanha, pela qual somou 150 internacionalizações.

Os 10 jogadores portugueses mais velhos de sempre em Europeus:

——————————————————————————-
1. Ricardo Carvalho, Mónaco, Euro2016, 38 anos e 23 dias
2. Vítor Damas, Portimonense, Euro1984, 36 anos e 247 dias
3. Manuel Bento, Benfica, Euro1984, 35 anos e 352 dias
4. Fernando Couto, Lazio, Euro2004, 34 anos e 314 dias
5. Pedro Espinha, Vitória de Guimarães, Euro2000, 34 anos e 258 dias
6. Nené, Benfica, Euro1984, 34 anos e 204 dias
7. Bruno Alves, Fenerbahçe Euro2016, 34 anos e 195 dias
8. Nuno Espírito Santo, FC Porto, Euro2008, 34 anos e 133 dias
9. Oceano, Sporting, Euro1996, 33 anos e 314 dias
10. Alfredo, Boavista Euro1996, 33 anos e 246 dias