Estilo vincado e dinâmica desportiva são os principais atributos da nova linha introduzida pela Ford, a ST-Line, a qual foi buscar inspiração aos modelos Ford Performance e que marca a sua estreia nas gamas Fiesta e Focus.

“Os novos Fiesta ST-Line e Focus ST-Line foram concebidos a pensar nos clientes que aspiram à imagem desportiva emanada pelos modelos ST-Line – mas que não exigem a performance absoluta optimizada pelos motores ST e pelos chassis equipados com tecnologias desportivas”, refere a marca em comunicado.

Menos assanhada, mas mais acessível do que as versões mais desportivas da Ford (RS), a linha ST-Line arranca nos 17.550€ para o Fiesta e nos 22.294€ para o Focus, ambos com o motor 1.0 EcoBoost a gasolina – no Fiesta a debitar 100 cv e no Focus a somar-lhe 25. Além de exibirem um kit de carroçaria específico e jantes em liga leve de design personalizado, os modelos ST-Line contam com suspensões desportivas, 10 mm mais baixas. No interior, marcam presença bancos e volante desportivos e pedais em alumínio. Também a alavanca das mudanças recebe um tratamento ST, com acabamento escuro e placas escovadas ST-Line.

Em termos de motores, o Fiesta ST-Line, com três e cinco portas, poderá montar o 1.5 TDCi de 95 cv a gasóleo, ou o 1.0 EcoBoost a gasolina, com 100, 125 e 140 cv, estando estes equipados de série com caixa manual de cinco velocidades, ou a caixa automática PowerShift de seis relações, disponível exclusivamente para a versão de 100 cv.

Já a gama Focus ST-Line é proposta com as motorizações a gasolina 1.0 EcoBoost de 125 cv, ou os diesel 1.5 TDCi de 120 cv e 2.0 TDCi de 150 cv, podendo todos estes blocos serem associados a caixas manuais de seis relações ou automáticas PowerShift, também com seis velocidades.

Não está prevista para Portugal a comercialização das versões equipadas com a motorização 1.5 EcoBoost de 150 e 182 cv a gasolina.