Espanha tem eleições marcadas para o próximo dia de 26 de junho e as sondagens mais recentes referem que o Partido Popular (PP) lidera as preferências do eleitores espanhóis, mas a distância para a coligação Unidos Podemos é curta e os populares não poupam esforços para convencer o eleitorado.

O impasse político no país vizinho dura há seis meses e desde então que o eleitorado espanhol tem vivido numa espécie de campanha eleitoral permanente, o que leva os partidos a inovar na forma de chegar aos eleitores.

Desta vez, a inovação chegou à banda sonora da campanha do PP. A campanha só começa oficialmente esta quinta-feira mas o partido já deu a conhecer o novo hino e o resultado foi um ritmo mais dançável que o previsível. A música foi apresentada Jorge Moragas, diretor da campanha do PP numa conferência de imprensa que explicou a escolha.

“Desta vez optamos por uma versão latina do hino do PP. Hesitamos entre os ritmos do reggaeton e do merengue e, finalmente, decidimos pelo merengue”, disse Jorge Moragas citado pelo El Español.

O sucesso do hino do PP na redes sociais, em tom jocoso, não se fez esperar. Muitos internautas contagiados pelo ritmo, fizeram as suas próprias coreografias que depressa chegaram ao Twitter.

A oposição da esquerda também não quis deixar de entrar na brincadeira e fez a sua própria homenagem ao hino do PP.

Música e dança à parte, o PP tem como objetivo político ultrapassar a barreira de 30 por cento dos votos. Nas últimas eleições, os populares ficaram-se pelos 28,7 por cento mas desta vez o partido quer mais e tenciona chegar a mais eleitores através de uma “campanha pela positiva”, cujas principais bandeiras são a “criação de empregos, a baixa de impostos e a unidade de Espanha”.

A recandidatura de Mariano Rajoy, líder dos populares, é apresentada esta terça-feira em Madrid, na sede do PP.