O Presidente brasileiro interino, Michel Temer, afirmou-se, esta quinta-feira, “chocado” com o acidente de um autocarro quarta-feira à noite no Estado de São Paulo, que provocou 18 mortos e dezenas de feridos, quatro em estado grave.

“Estou chocado com o acidente que vitimou tantos jovens em São Paulo”, escreveu Michel Temer na sua conta na rede social Twitter.

O Presidente interino acrescentou que vai “chamar os órgãos de fiscalização para evitar que se repitam tragédias como essa”.

No autocarro viajavam estudantes universitários para a cidade de São Sebastião, no litoral norte de São Paulo.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Entre as vítimas está o condutor, que perdeu o controlo do veículo, que embateu contra um rochedo na faixa contrária, capotou e caiu numa ravina.

O delegado Fábio Pierry disse, esta manhã, que as circunstâncias do acidente ainda precisam de ser investigadas, estando em cima da mesa várias possibilidades, como falta de travões, falha mecânica ou excesso de velocidade.

Os acidentes rodoviários são frequentes no país, com as estradas a registarem aproximadamente 43 mil mortos por ano.