Depois de surpreender o mercado com o desportivo Civic Type R, de 310 cv, o construtor japonês prepara-se para elevar a fasquia e espantá-lo com o NSX, modelo que promete 580 cv, um valor nunca visto em modelos da Honda.

O nosso país foi o cenário escolhido para a apresentação mundial do Honda NSX – que já foi apresentado nos Estados Unidos da América, mas aí sob a sigla Acura, a marca de luxo do construtor nipónico – e é no autódromo do Estoril que surgem as primeiras imagens do modelo, em forma de vídeo, com o NSX a acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 3 segundos, colocando-se ao mesmo nível de modelos como o Porsche 911 Turbo.

[jwplatform hNW03wcT]

O futuro NSX, que será revelado a partir de Julho, vai ser um superdesportivo emocionante, mas igualmente uma montra tecnológica. Sob uma carroçaria tão agressiva quanto esguia, com 4,47 m de comprimento e 1,94 de largura, o Honda vai ser locomovido por um motor V6 montado em posição central traseira, para correcta distribuição de massas pelos dois eixos, ideal para um comportamento em curva equilibrado. Mas não é apenas o V6, soprado por dois turbocompressores, a debitar potência. A ajudar vão estar, não um mas sim três motores eléctricos, um deles a dar uma mão ao motor de combustão interna a gasolina, colocado entre ele e a caixa de velocidades, de dupla embraiagem com nove relações. Os outros dois motores vão estar montados nas rodas anteriores, o que faz do NSX um quatro rodas motrizes que, no total, usufrui de 580 cv. De momento ainda se desconhece quantos destes puro-sangue são cortesia da gasolina ou da electricidade, mas quem adora desportivos também não está muito preocupado com o facto.

[jwplatform 5uaqXi63]

O preço ainda não é conhecido, mas as performances sim: 307 km/h de velocidade máxima e a capacidade de ultrapassar os 100 km/h em somente 3 segundos – valores que o colocam ao nível de algumas das referências do segmento, da Porsche à Ferrari, passando pela Lamborghini. Isto promete.