As autoridades encontraram o corpo da criança de dois anos que foi arrastada por um jacaré para dentro de uma lagoa no parque temático Walt Disney World Resort, em Orlando, na Florida. A notícia foi avançada pela CNN.

As buscas duravam desde terça-feira, altura em que ocorreu o incidente. Tudo aconteceu quando a criança, que estava à beira da água, foi atacada por um jacaré, um animal com um a dois metros de comprimento. O pai do rapaz saltou para a água para tentar salvar o filho, mas o animal arrastou-o para o fundo do lago. A mãe também entrou na água para procurá-lo, mas não conseguiu.

As autoridades garantiram que os esforços para encontrar a criança só cessariam quando a encontrassem, mas já tinham alertado que deviam estar à procura de um corpo. Durante o processo de busca foram mortos jacarés para serem analisados.

O vice-presidente do parque temático emitiu um comunicado em que lamentou a situação e mostrou o seu apoio à família. Os trabalhadores trabalharam em cooperação com as autoridades durante todo o processo. Na sequência do incidente, o Walt Disney World Resort encerrou todas as zonas junto a lagos enquanto não forem garantidas todas as medidas de segurança.

Esta foi uma situação inédita no parque. A região da Florida tem uma grande população de jacarés, mas os ataques não são muito frequentes. Desde de 2007 que só se tinham registado duas vítimas mortais, as duas em 2015.

O incidente marca uma semana trágica para Orlando. Na noite de sexta-feira a cantora do concurso “The Voice” foi alvejada depois de um concerto e acabou por morrer. No domingo, 49 pessoas foram mortas por um atirador que entrou numa discoteca gay. O atirador diz ter ligações ao Estado Islâmico.