A britânica Rolls, integrada do grupo BMW, mostrou ao mundo a sua interpretação do que será o automóvel de luxo em 2116. E ficámos mais tranquilos, pois daqui a 100 anos, vão continuar a existir modelos diferentes, plenos de personalidade e, como não podia deixar de ser, luxo. Ou seja, nem todos os veículos serão pequenos “ovinhos” eléctricos, todos iguais entre si e conduzidos por computador, para evitar acidentes e não fatigar quem vai ao volante. Se é que vai existir volante.

Denominado Rolls-Royce Vision Next 100, o Rolls-Royce do futuro assume-se como um automóvel totalmente autónomo, mas que, ao mesmo tempo, pretende elevar o luxo sobre quatro rodas para um novo patamar. Mais do que um “simples” habitáculo, o interior é anunciado como o retiro privado do utilizador, contando, até, com uma assistente virtual (de seu nome Elanor), que não só assegura a condução do automóvel, como promete ser capaz de satisfazer, ao longo da viagem, todo e qualquer desejo de quem siga a bordo. Para facilitar a entrada e a saída dos passageiros, o tejadilho panorâmico conta com abertura vertical, como num avião de caça, e com portas de abertura invertida.

9 fotos

Para a marca britânica, o Vision Next 100 é apenas um exemplo de um Rolls-Royce totalmente personalizado e único, já que o programa Personal Vision tem por missão assegurar a criação de carroçarias exclusivas e de interiores dotados dos melhores materiais e de exclusivos acabamentos manufacturados. Tudo assente numa plataforma com emissões zero. Isto porque os materiais e os inovadores métodos de produção que se antevêem permitirão abrir novas perspectivas para os clientes poderem conceber um automóvel segundo as suas próprias especificações, da distância entre eixos ao formato da carroçaria, com os designers da marca a criarem um veículo tão único quanto a impressão digital do seu proprietário. Veja o vídeo e perceberá que, afinal, o futuro promete.

[jwplatform eZzMsSKe]

O protótipo foi desvendado em Londres, por ocasião da exposição “Iconic Impulses”, que antecipa o futuro da mobilidade. Esta iniciativa, que incluiu também a revelação do que será o Mini de amanhã, está integrada nas celebrações do centenário da BMW, que terá o seu epílogo em Outubro, em Los Angeles, quando for dado a conhecer semelhante projecto por parte da BMW Motorrad, a divisão de motos do construtor bávaro. Também no âmbito do centenário da BMW, foi revelado em Março passado o protótipo BMW Next Vision 100.