As autoridades chinesas elevaram para 99 mortes e 846 feridos o número de vítimas do tornado que na quinta-feira da semana passada atingiu a cidade de Yancheng, no leste do país.

Por outro lado, 1.591 pessoas perderam a sua casa e foram realojadas em centros de acolhimento temporários, revelou hoje a agência oficial Xinhua.

Uma dezena de feridos está em estado grave, noticiou, por seu turno, a televisão oficial CCTV.

As operações de resgate e auxílio prosseguem nas zonas devastadas por uma série de tempestades, nos arredores de Yancheng, província de Jiangsu. Trata-se do mais devastador tornado registado na China desde 1966.

Segundo os meios de comunicação social chineses, os trabalhos de resgaste centram-se na retirada das áreas afetadas dos produtos