Diretor do Museu da Presidência detido pela PJ

Diogo Gaspar foi esta manhã detido por suspeitas de tráfico de influência, falsificação de documento, peculato, abuso de poder. A PJ apreendeu-lhe obras de arte. Marcelo quer cooperar.

Por Observador, Rita Tavares, Sónia Simões, Luís Rosa