Cassie Martin, de 19 anos, publicava “fotografias sensuais” na sua conta da rede social Instagram. O pai, um comediante de Washington, em vez de lhe pedir para parar de o fazer ou lhe dar um sermão, decidiu brincar com a situação e recriar as fotografias. Para a dissuadir de se expor tanto naquela rede social.

“Só o fiz porque ela estava a pôr estas selfies sensuais e eu pedi-lhe para abrandar. Ela não o fez e por isso eu decidi mostrar-lhe ‘como era'”, explicou Chris “Burr” Martin à CNN.

Ao todo, já foram cinco as recriações feitas pelo pai de Cassie, o que resultou num grande aumento de seguidores na sua conta de Instagram, que conta atualmente com mais de 36.000.

O pai diz que a filha a princípio “revirou os olhos”, mas que “depois de ver os amigos a acharem piada”, acabou por não ficar chateada.

Mesmo depois de admitir que a filha tinha “abrandado”, Chris continuou a recriar as fotografias, porque “por vezes estou aborrecido”. A fotografia abaixo é um desses exemplos.