Parte do Parlamento inglês foi encerrado para a polícia poder investigar um possível “incidente químico” relacionado com um pó branco encontrado dentro de um envelope suspeito. O pó branco era afinal giz.

As portas e as janelas foram fechadas depois das autoridades informarem que foi entregue um “pacote suspeito” no Palácio de Westminster. A polícia procedeu à investigação do produto branco dentro do envelope e descobriu que era giz, segundo o jornalista James Lyons.

Vários membros da câmara dos Lordes ficaram presos no terraço, impossibilitados de entrarem no edifício.

O jornalista da Times Matt Chorley está entre as pessoas que estavam presas e está a tweetar a partir do terraço.

O alerta surgiu no dia em que se comemora o décimo primeiro aniversário dos ataques terroristas de Londres que resultaram na morte de 56 pessoas e em mais de 700 feridos.