A tenista norte-americana Serena Williams, número um mundial, qualificou-se esta quinta-feira para a final de Wimbledon, ao vencer a russa Elena Vesnina, por 6-2 e 6-0.

A campeã em título, que está à procura de igualar o recorde de títulos de ‘Grand Slam’ da alemã Steffi Graf (22), precisou apenas de 49 minutos para derrotar a 50.º jogadora mundial e avançar para a sua nona final em Wimbledon.

A número do mundo vai defrontar a alemã Angelique Kerber na final, que derrotou Venus Williams, impedindo a norte-americana de se juntar à irmã Serena Williams no encontro decisivo.

Quarta do ‘ranking’ mundial, Kerber impôs-se por 6-4 e 6-4, em 72 minutos, e apurou-se pela segunda vez na sua carreira para a final de um torneio do ‘Grand Slam’, depois de ter perdido o título no Open da Austrália, já este ano, precisamente para Serena Williams.