A Renault dá continuidade à renovação total da sua oferta no segmento C com a revelação do novo Mégane Sedan, a berlina de três volumes e quatro portas da família que vem substituir o não muito popular Fluence.

Mais uma vez assente na plataforma modular CMF C/D, o Mégane Sedan é marcado pelas suas formas um pouco mais conservadoras, mas aligeiradas por um sobredimensionado tejadilho panorâmico em vidro, único no segmento, que liga o pára-brisas ao óculo traseiro, acabando por conferir-lhe um certo ar de coupé. Outra das suas características fundamentais é a bagageira com 508 litros de capacidade e acesso mãos-livres, garantido pelo sistema Easy Trunk Access.

Produzido em Bursa, na Turquia, o Mégane Sédan conta, tal como os restantes membros da sua gama, com painel de instrumentos digital, ecrã táctil de 8,7” para controlo do sistema de infoentretenimento R-Link 2, “head-up display” a cores, sistema Multisense e todas as ajudas à condução já conhecidas do cinco portas.

[jwplatform bssunpkh]

Contudo, e como a aceitação deste tipo de carroçaria, neste segmento, varia muito em função da localização geográfica, a Renault já fez saber que o Mégane Sedan só tem prevista a comercialização em mercados específicos. No total, são 24 os países onde a berlina do construtor francês será comercializada: Arábia Saudita, Argélia, Austrália, Bulgária, Croácia, Egipto, Emirados Árabes Unidos, Eslovénia, Estónia, Hungria, Irlanda, Itália, Israel, Letónia, Líbano, Lituânia, Marrocos, Polónia, República Checa, Roménia, Sérvia, Tunísia, Turquia e Ucrânia.

Dependendo do mercado, serão propostos os motores a gasolina SCe de 115 cv, com caixa manual de cinco velocidades ou automática de variação contínua CVT, e TCe de 130 cv, neste caso com transmissão manual de seis relações ou pilotada de dupla embraiagem e sete velocidades EDC. Entre os turbodiesel, há três alternativas: o dCi de 90 cv, com caixa manual de seis velocidades, o dCi de 110 cv, associado a uma transmissão manual de seis velocidades ou pilotada de dupla embraiagem e sete relações EDC, e ainda o dCi de 130 cv, com caixa manual de seis velocidades.